segunda-feira, 25 de julho de 2016

O caos abeirou-se de mim, apaixonou-se e não me larga!

A casa em obras (porque somos damos à pancada das remodelações, porque vejo demasiados programadas sobre isto e porque o meu marido também alinha), tudo em desordem (mas mesmo TUDO), roupas espalhadas, móveis ao pontapé, caixas e mais caixinhas, aspirador, balde, esfregona, panos, muitos panos e ... dois filhos e uma sobrinha enfornados neste antro e um calor do demo. Socorro!!!

Sem comentários:

Enviar um comentário