segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Há casas calmas. A minha não é uma delas!

Ele garante que esta parte da peça é "brutal". Os meus ouvidos atestam e já nem me consigo ouvir pensar... Calma, que ainda é só segunda-feira!

Sem comentários:

Enviar um comentário