sábado, 6 de fevereiro de 2016

A reter (ou pelo menos tentar...)

Primeiro, nunca ir com as duas cadelas ao veterinário. Não basta a viagem que se revelou catastrófica, baba da Ginja e acrobacias da Batata. Depois a entrada na clínica com ambas a atropelarem-se e nós a cairmos para cima delas. Na sala de espera que garantidamente estava cheia quando entrámos, de repente olhámos para o lado e estávamos sozinhos. Uma senhora ao sair lá desabafou que a Ginja tinha um ar assustador (coitada que fez xixi porque se assustou com um gato, mas pronto lá terá de viver com o estigma de ser considerada uma raça perigosa). Durante a consulta enquanto a Ginja dormia, a Batata ocupou-se a ... roer o telemóvel da veterinária!
O que dizer? É só um dia normal na nossa família.
#asminhascadelassãooshrek
#odemoemformadecadelas
#saiamdafrentesenãomordo_as

Sem comentários:

Enviar um comentário